Comunicação > Sindifisco-MG reforça protesto de servidores contra parcelamento e atraso de pagamento

divisoria2

 

Voltar

Entidades também cobraram recomposição de perdas acumuladas e definição sobre 13º

02/10/2017 - Nº 311

O Sindifisco-MG esteve presente em uma manifestação realizada na manhã desta segunda-feira (2), na Cidade Administrativa, em que representantes de servidores de várias categorias protocolaram um documento endereçado ao governador Fernando Pimentel para cobrar dele a recomposição de perdas salariais acumuladas há três anos, pagamento no quinto dia útil do mês e uma definição sobre a data em que será depositado o 13º salário.

"Atos como o que realizamos hoje são importantes, uma vez que o governo tem se reunido separadamente com as diversas categorias na tentativa de nos dividir e derrotar. O fato de estarmos juntos reforça nossas reivindicações comuns e as pautas de cada uma das categorias que estiveram presentes", afirma Lindolfo Fernandes de Castro, presidente do Sindifisco-MG.

Eles também interromperam o trânsito na MG-10, no sentido Belo Horizonte, por duas vezes. O Sindifisco-MG aproveitou a ocasião para distribuir um panfleto aos motoristas que trafegavam pela via em que denunciou a concessão pelo governo mineiro de privilégios fiscais, situação que tem contribuído para agravar a situação das contas do Estado.

A manifestação atraiu a atenção de diversos veículos de comunicação, que lá estiveram para conversar com as lideranças sindicais responsáveis pela organização do protesto.

Em entrevistas concedidas às rádios Itatiaia e CBN e à Rede TV o presidente do Sindifisco-MG conclamou o governo a "fazer de dever de casa", ou seja, tomar medidas concretas que levem ao reequilíbrio financeiro de Minas. "O governo deve fazer o ajuste pelo lado das receitas e não das despesas. Para isso, é preciso ter disposição para combater a sonegação e rever os privilégios fiscais".

Sexta-feira

Na última sexta-feira, 29 de setembro, Lindolfo Fernandes de Castro já havia visitado a Cidade Administrativa onde se reuniu com um grupo expressivo de auditores fiscais a fim de convocá-los para a manifestação de hoje. Naquele dia, em conversa com os colegas, ele tratou da pauta de reivindicações da categoria e da reforma tributária que tramita no Congresso Nacional, entre outros temas.

divisoria